?Não estou aqui para brincadeira?, desabafa Flávio Lopes

 CRB vive momento dificil na competição

 “Não estou aqui para brincadeira. Quando eu achar que devo ser demitido o presidente Marcos Barbosa pode ficar à vontade para me demitir. Quando eu achar que devo ser demitido eu vou falar para o presidente”.

A declaração do técnico Flávio Lopes aconteceu logo após o jogo-treino, realizado na tarde de ontem no Estádio Rei Pelé, o CRB empatou pelo placar de 1 a 1, contra o União, que está se preparando para a disputa as Segunda Divisão do Alagoano 2011. O gol do Galo foi marcado pelo atacante Jhonatan.

O comandante do Galo da Pajuçara escalou o time no primeiro tempo foi com: Cristiano; Pio, Filipe, Rodrigão e Edson; Roberto Lopes, Sidnei, Maradona e David; Paraíba e Cadu. No Segundo tempo o time que entrou em campo foi com: Anderson Paraíba; Ednei, Thiago e Ítalo; Maisena, Bruno, Adriano, Geovani e Rafinha; Paraíba e Jhonatan.

“Esse jogo treino foi bom por causa disso. Ele serviu para analisar alguns erros que eles cometeram ao logo deste treinamento. Temos que corrigir algumas falhas e situações de jogo. Foi bom para dar ritmo de jogo aos atletas que não estavam jogando. Vamos treinar a partir de agora para o jogo contra o América (RN), uma vez que precisamos melhorar a nossa porcentagem que até agora só ganhamos 50% dos pontos ganhos”, afirmou.

Após anunciar a dispensa de oito jogadores do atual elenco na tarde de ontem pela diretoria, outro que pode deixar o CRB é o lateral-esquerdo Rodrigo, que foi contratado junto ao América (MG). O atleta está fora do seu peso ideal e não tem condições físicas para jogar o restante da Série C.

Flávio Lopes comentou sobre o período de folga na tabela, uma vez que o CRB só vai voltar aos gramados no dia 20 deste mês. Ele ainda analisou a derrota para o América (RN), bem como as dispensas sobre os oitos atletas pela diretoria.

“Eu creio que vai ser bom esse período de 15 dias. Ainda não deu para assimilar a derrota sofrida para o América de Natal. Nós temos que nos preparar bem para conseguirmos uma vitória, no próximo jogo contra o mesmo América. A diretoria está se esforçando para melhorar a qualidade dos jogadores que o CRB tem. Ele fez por bem e com o intuito de melhorar o time, uma vez que ele é o presidente do clube”, disse o treinador.

O técnico afirmou ainda que a responsabilidade é dele, uma vez que é o próprio treinador que escala os jogadores para uma partida. A diretoria resolveu fazer a dispensa e a decisão foi tomada e alguns atletas não estavam jogando e não é justo eles ficaram como reversas em treino.

Comentários