ameaça

Em barreira sanitária, policial se recusa a medir temperatura e ameaça profissionais de saúde

O suspeito é um policial civil que mora em Sergipe e trabalha em Alagoas

POR: 7Segundos
O suspeito é um policial civil que mora em Sergipe e trabalha em Alagoas
Reprodução

Uma equipe do 11º Batalhão de Polícia Militar (11º BPM), sediado em Penedo, na região do Baixo do São Francisco, foi acionada para atender uma ocorrência de ameaça com arma de fogo à profissionas de saúde. O suspeito é um policial civil que mora em Sergipe e trabalha em Alagoas.

De acordo com informaçoes sobre o fato, profissionais de saúde estavam no Porto da Balsa, em uma barreira sanitária para conter o avanço do coronavírus, realizando os testes de temperatura para verificar se as pessoas que vinham de outros municípios apresentavam algum sintoma da covid-19.

O policial, de 45 anos, não quis submeter ao teste, e para intimidar os profissionais, retirou a arma da cintura.

Os profissionais de saúde se sentiram ameaçados e intimidados acionaram a Polícia Miltiar.

Vítimas e acusados foram encaminhados à Delegacia Regional de Penedo para realizar os procedimentos necessários.

 

7Segundos ameaça barreira sanitária Penedo policial porto da balsa Profissionais saúde

Veja Também

Comentários