Santana e Dois Riachos

Enchente do rio Ipanema encerra rapidamente e provoca menos estragos que o esperado

Famílias e pertences foram retirados de residências em áreas de risco e o rio voltou ao leito rapidamente

POR: 7Segundos
Enchente do rio Ipanema leva uma enxurrada de lama para o município de Santana
cortesia

As inundações no rio Ipanema, que eram monitoradas pela Defesa Civil e prefeituras desde a abertura das comportas de uma barragem no município de Ingazeira, em Pernambuco, causaram menos estragos do que o esperado nos municípios de Dois Riachos e Santana do Ipanema.

Em Santana, a previsão de desabrigados e desalojados, que passava de mil, não se concretizou. De acordo com informações da Defesa Civil, na manhã desta sexta (27), o município conta com 12 famílias desabrigadas, que perderam as casas e não tem para onde ir, e outras 151 famílias desalojadas. Boa parte delas perderam tudo o que tinham, mas as casas delas continua de pé.

“Felizmente a cheia do Ipanema foi mais rápida do que o esperado”, afirmou Paulo Américo, da Defesa Civil de Santana do Ipanema. De acordo com ele, o órgão conseguiu retirar as famílias e os pertences delas de 200 imóveis que estavam na área de risco e a maioria delas está abrigada em casa de parentes em outras regiões do município. 

A Defesa Civil e os órgãos da prefeitura de Santana do Ipanema, que decretou estado de emergência e na tarde de quinta recebeu a visita do governador Renan Filho, estão atendendo aproximadamente 400 pessoas, entre desabrigados e desalojados no Centro Bíblico. A maioria dessas famílias são moradoras dos bairros Arthur Moraes e Baraúna, que foram atingidos pela inundação do riacho Camoxinga, ocorrida na madrugada de quinta (26).

Paulo Américo afirma que muitos donativos têm chegado para as famílias, que no alojamento tentam adotar rotinas de higiene para se proteger do coronavírus. ˜Muitas doações estão chegando e isso é muito bom, porque algumas das famílias perderam tudo. No alojamento, temos feito de tudo para que as pessoas possam se proteger. Foram distribuídas máscaras e álcool em gel para todos”, declarou.

Enquanto isso, nas ruas de Santana do Ipanema, o trabalho para a retirada da lama que ficou após a enchente do riacho Camoxinga e nas ruas atingidas pela cheia do Ipanema continuam durante toda esta sexta-feira e devem se estender durante o final de semana.

No município de Dois Riachos, o nível do rio Ipanema subiu na tarde de quinta, mas foi as chuvas em excesso que deixaram várias ruas da cidade alagadas. Vídeos feitos por moradores mostram ruas em que o nível da água 30 centímetros de altura e reclamações de pessoas que perderam eletrodomésticos depois que a enxurrada invadiu residências. Em relação à cheia do rio, no entanto, de acordo com o Corpo de Bombeiros, houve menos problemas que o esperado, uma vez que, após a chuva, o rio voltou rapidamente ao leito e houve o escoamento da água. 

Galeria de Fotos


7Segundos alagamento barragem cheia Corpo de Bombeiros Decreto de Emergência Defesa Civil desabrigados desalojados Dois Riachos enchente Ingazeira inundação Pernambuco Renan Filho riacho Camoxinga rio ipanema Santana do Ipanema trasbordamento

Veja Também

Comentários