após incidentes

Defensoria Pública atua para garantir segurança em parques de diversões

Arapiraca e União dos Palmares tiveram incidentes com crianças

POR: Assessoria
Novas medidas de segurança foram adotadas no bate-bate
Ewerton Silva (7 Segundos)

As defensoras públicas em atuação no município de União dos Palmares, Daniela Santos e Rafaela Pinheiro, oficiaram, nesta quinta-feira (30), o Corpo de Bombeiro e o Parque de Diversões, que está instalado na cidade, solicitando informações sobre o acidente ocorrido na noite de quarta-feira (29), quando um dos brinquedos do parque descarrilou, provocando ferimentos em duas pessoas, uma criança e um adulto

O documento solicita, ainda, informações sobre as próximas inspeções que serão realizadas no local e cópias dos laudos de autorização de funcionamento do parque. Conforme o pedido, as respostas devem ser enviadas em até cinco dias. 

De acordo com as defensoras, o responsável pelo parque afirmou que possui alvará emitido pelos bombeiros para funcionamento e que o brinquedo está interditado. Ainda conforme o responsável, as duas pessoas lesionadas estariam recebendo assistência do parque.

Arapiraca

As regras de segurança no brinquedo bate-bate - um dos atrativos do parque de diversões montado no município de Arapiraca - foram modificadas após intervenção da Defensoria Pública do Estado de Alagoas. Os pedidos de alteração aconteceram na última terça-feira (28) depois que duas crianças – um menino de cinco anos e uma menina de seis - ficarem machucadas, no começo da semana, devido às falhas nos cintos de segurança

Além do ocorrido com as crianças, o órgão público também recebeu diversos depoimentos, através das redes sociais, de pessoas que reclamaram do mau funcionamento do referido brinquedo.

O defensor público André Chalub Lima explicou que, com a intervenção da Defensoria Pública, a gerência do parque aumentou a altura mínima exigida para acesso aos carrinhos e fez a colocação de proteção acolchoada nos cintos de segurança. 

O primeiro caso de acidente aconteceu no último domingo (26) envolvendo o garoto de cinco anos, durante uma colisão frontal. O cinto de segurança não suportou o impacto e a criança foi arremessada para o piso do carrinho. De acordo com relatos, o menino ficou embaixo do volante e teve uma lesão no lado direito do pescoço. 

O segundo registro foi na tarde dessa segunda-feira (27), envolvendo uma menina, que teve uma lesão no pescoço provocada pelo cinto. As duas crianças tinham altura superior à exigida pelo parque para entrar nos carrinhos.

Após as alterações nas regras de uso dos brinquedos, a Defensoria Pública e a prefeitura de Arapiraca não registraram intercorrências na noite dessa quarta-feira (29). Mas, segue supervisionando o local a fim de evitar novos acidentes.

7 segundos Alagoas alerta Arapiraca bate-bate bombeiros Crianças Defensoria pública fiscalização parque de diversões perigo segurança sete segundos trilho União dos Palmares

Veja Também

Comentários