POLÍCIA

Casal fingiu dificuldades e usou os sete filhos para conseguir doações

A própria família da mãe avisou a imprensa de que o pedido de ajuda era falso. "Tenho vergonha pela minha filha", disse a avó das crianças

POR: Notícias ao Minuto
Doações mundo
Reprodução

Um casal britânico está a ser acusado de fraude depois de ter fingido dificuldades para angariar dinheiro numa plataforma de financiamento coletivo, onde conseguiu mais de 3400 libras (quase 17 mil reais).

De acordo com o Daily Mail, que este domingo dá conta do caso, Ryan Rodgers e Jenny Grimes, naturais de Liverpool, que têm em comum sete filhos, já se separaram por causa da fraude.

Rodgers, de 26 anos de idade, terá sido quem teve a ideia de fazer o pedido de ajuda online, através da plataforma GoFundMe. Criado em dezembro, o pedido falava de "uma família a precisar de ajuda" por causa de mudanças nos apoios sociais que recebiam. "O subsídio foi reduzido ao mínimo possível", dizia a publicação, onde era pedida ajuda por causa das crianças, uma vez que "o Natal está quase a chegar".

De acordo com familiares, o casal usou o dinheiro para comprar álcool e drogas, incluindo uma tatuagem para Jenny.

A mãe, Jenny, de 25 anos, terá ficado descontente com a polémica criada em torno da angariação e separou-se do companheiro, conforme confirmou a tia das crianças. "A Jenny e o Ryan já não estão juntos e ele agora vive sozinho. Estou aliviada. Eu sei que vai ser difícil para a Jenny, mas ela está melhor sozinha", disse a irmã, Joanne Grimes.

Sublinhe-se que a mãe de Jenny tinha feito um apelo pouco depois de se tornar conhecido o pedido de ajuda. "Tenho vergonha pela minha filha", disse Shelley Grattan. "Isto é fraude e não posso acreditar que eles tenham descido tão baixo ao ponto de usar as crianças desta forma", acrescentou.

Brasil Casal filhos fraude mundo notícias Polícia

Veja Também

Comentários