Processo eleitoral

Mesmo proibidos, candidatos ao Conselho Tutelar recebem apoio de políticos em Teotonio Vilela

Candidatos estariam fazendo reuniões com a presença de vereadores para arregimentar votos

POR: 7 Segundos
Conselho Tutelar de Teotonio Vilela
Cortesia

As eleições para o Conselho Tutelar estão movimentadas em grande parte dos municípios alagoanos mas, em Teotonio Vilela,  alguns candidatos têm passado do limite com o objetivo de ganhar votos no próximo domingo, 06 de outubro. Apesar de proibido pelo edital das eleições, candidatos tem contato com uma "forcinha" de vereadores.

Na noite de quarta-feira (02), vídeo e fotos mostrando um veículo da Guarda Municipal estacionado em frente a casa de um vereador no povoado Água de Menino passaram a ser compartilhadas nas redes sociais com a denúncia de que o vereador Willms Leonardo dos Santos, mais conhecido como Nano, estaria promovendo uma reunião para buscar votos para o candidato conhecido como Alex da Guarda, que como o cognome diz, é funcionário da Guarda Municipal.

As mensagens exprimiam revolta e suspeitas sobre o uso do veículo de propriedade da administração municipal estar sendo utilizado em benefício de candidato a conselheiro tutelar. "Em vez de estar em serviço, atendendo algum chamado da população ou até mesmo fazendo rondas para garantir a segurança pública, a viatura está sendo utilizada com finalidade política", descreve um denunciante.

Entre os presentes na casa no vereador Nano, estavam o secretário de Segurança do municipio, Antônio Barbosa, e um servidor conhecido como Valmir, que seria um dos diretores da Guarda Municipal. Ele seria o responsável pela viatura estacionada na frente da casa do parlamentar. Por meio das redes sociais, Valmir explicou que estava no povoado Água de Menino em visita à sub-sede da Guarda que será reinaugurada na comunidade em breve, depois parou para conversar com um vigilante que mora no povoado e em seguida aceitou um convite para fazer um lanche na casa do vereador. Na mesma mensagem, ele acaba revelando que realmente acontecia uma reunião para "apresentar" o candidato ao conselho Alex da Guarda.

"Havia uma movimentação na casa do vereador Nano, onde o filho dele chegou em seu carro depois do expediente de trabalho com o candidado Alex da Guarda, para apresentar a seus familiares. Quando terminaram me chamaram para fazer um lanche. Adentrei a residência, até mesmo por educação, e ali comi uma fatia de bolo. Nem demorei, pois ia a Sucupira saber de uma moto que foi furtada lá no domingo", afirmou Valmir, justificando a presença da viatura estacionada em frente à casa do vereador.

A reunião na casa do vereador Nano, no entanto, não foi a única vez que um parlamentar deu uma forcinha na campanha de um canditato ao Conselho. André Antônio dos Santos, vereador mais conhecido como André Novinho, também promoveu encontro para ajudar o candidato João Ulisses, como é possível ver na imagem que está publicada na galeria de fotos.

O edital da eleição para o Conselho Tutelar de Teotonio Vilela afirma, no Item 6, inciso IX, que está vedado "o favorecimento de candidatos por qualquer autoridade publica e/ou a utilização, em beneficio daqueles, de espaços, equipamentos e serviços da administração pública municipal, sendo vedada a realização de propaganda eleitoral por órgãos da administração publica direta ou indireta, federais e distritais, de candidatos ao cargo de Conselheiro Tutelar ou qualquer tipo de propaganda que se passa caracterizar como de natureza eleitoral".

Em seguida, o mesmo documento ainda especifica que prefeito, vice-prefeito, vereadores e secretários municipais não podem usar as redes sociais para favorecer candidatos.

Câmara de Vereadores de Teotonio Vilela Conselho Tutelar Conselho Tutelar de Teotonio Vilela eleição para o Conselho Tutelar Teotonio Vilela

Veja Também

Comentários