Após críticas

Militar que comandou operação que apreendeu motos durante evento em Junqueiro é transferido para Penedo

Capitão Anivan afirmou ter feito pedido de transferência e que críticas não influenciam no trabalho

POR: 7Segundos
Evento de motociclistas foi interrompido e veículos foram apreendidos
Assessoria

O capitão Anivan Santos de Souza, que comandava a Companhia da Polícia Militar de Junqueiro foi transferido, na terça-feira (1º), para o Batalhão no município de Penedo. A mudança pegou os moradores de Junqueiro de surpresa. Muitos apoiam a atuação do militar no município e acreditam que a transferência está relacionada a uma operação comandada por ele que interrompeu um evento de motociclistas que aconteceu duas semanas atrás.

No evento, a Companha apreendeu 14 motocicletas em situação irregular após receber denúncias de que motociclistas estavam fazendo manobras perigosas em rodovias, comprovadas por imagens e vídeos, que circularam nas redes sociais e foram publicados pelo 7Segundos. A atuação da Polícia Militar foi duramente criticada pelos deputados estaduais Galba Novaes e Antônio Albuquerque, que chegaram a utilizar a tribuna da Assembleia Legislativa para dizer que a "abordagem foi exagerada" e que a operação foi "pirotécnica". 

Capitão Anivan, no entanto, falou para a reportagem, que a transferência atendeu a um pedido dele e que as críticas não influenciam no modo de trabalhar.

"Houve uma mudança no comando do Batalhão e surgiu um convite. Como eu sou natural de Penedo, pedi transferência e ela foi concedida. Não tem nenhuma relação com aquela operação, em que a gente simplesmente fez o nosso trabalho. Naquele dia, a gente foi noticiado de que estariam ocorrendo, além de infrações no Código de Trânsito, crimes naquele local. Fizemos a nossa parte, que é reprimir qualquer infração à lei, tanto que apreendemos várias motocicletas irregulares, algumas com licenciamento atrasado e outras cujos proprietários não possuíam nenhuma documentação. Não importa o que digam, sempre iremos fazer o nosso trabalho", afirmou o militar.

apreensão de motos BPM de Penedo Junqueiro operação policial Penedo

Veja Também

Comentários