voluntários

Fratercom promove curso para formação de monitores e conselheiros terapêuticos em Arapiraca

Entidade reúne 22 comunidades que atende cerca de mil dependentes químicos

POR: 7 Segundos
curso será ministrado em Arapiraca, no dia 25
Divulgação

A Fratercom, organização que reúne 22 comunidades acolhedoras de depentendes químicos de Alagoas, que recentemente passou a ser sediada na Concatedral de Nossa Senhora do Bom Conselho e a ter como presidente o bispo dom Valério Breda, promove um curso para formação de técnicos, monitores e conselheiros terapêuticos em Arapiraca, no próximo dia 25 de setembro.

"Ter o bispo dom Valério como presidente da entidade trouxe mais equilíbrio e vai dar mais visibilidade para a nossa instituição", afirmou o diácono Adimar Paiva, vice-presidente da instituição.

A visibilidade das comunidades acolhedoras, de acordo com o religioso, é uma das prioridades da Fratercom. Apesar de as casas acolherem atualmente cerca de mil pessoas, o diácono cita estudos que falam que existem, em Alagoas, 30 mil pessoas que são usuárias de drogas. 

"Se todas essas pessoas procurassem as comunidades acolhedoras, não iríamos conseguir suprir a demanda. Mas a verdade é que muitas pessoas querem sair das drogas, muitas famílias buscam ajuda para seus familiares e não sabem onde encontrar", explica o diácono Adimar.

As comunidades (veja a lista completa ao final da matéria), de acordo com ele, têm autonomia para aceitar adictos que voluntariamente buscam se recuperar do vício das drogas. Para isso as instituições contam com equipe técnica multidisplinar, que inclui assistentes sociais, psicólogos e pedagogos e outros profissionais, que durante os seis meses de acolhimento aplicam uma metodologia que tem como base a espiritualidade, convivência e laborterapia.

O diácono explica que a espiritualidade trabalhada pelas instituições não se trata de impor determinada religião aos acolhidos. Em vez disso, eles têm suas crenças respeitadas e tratadas como uma forma de resgatar o significado da vida e restaurar os valores morais. A convivência e a laborterapia funcionam como uma maneira de preparar o acolhido para voltar a viver em sociedade, resgatando o respeito pelo outro, indepentende das diferenças pessoais, e a manutenção saudável do ambiente de convivência.   

 Não há medicação, nem uso da força e o acolhimento é voluntário, ou seja, a pessoa precisa querer e ter como propósito abandonar os vícios. "O fato que a pessoa querer sair dessa vida ajuda muito, porque ela fica mais receptiva a tudo que é proposto na comunidade, mas não deixa de ser um trabalho difícil, porque seria muito mais fácil medicar uma pessoa que está passando por crise de abstinência, do que tentar ajudá-la com conversa. É bem exaustivo, mas as chances de recuperação são muito maiores", explicou.

O curso promovido pela Fratercon tem como tema "Enfrentamento da dependência química pelas comunidades acolhedoras e suicídio", e  é voltado para psicólogos, assistentes sociais e conselheiros das comunidades acolhedoras. Acontece no salão nobre da Concatedral, em Arapiraca, no próximo dia 25. O curso tem 8h de duração e certificado e custa R$ 35, recurso que inclui almoço de coffe break. As inscrições podem ser feitas pelo telefone: 99309-6256

Comunidades acolhedoras que integram a Fratercom e contatos:

- Casa do Bom Samaritano (Penedo) –  [email protected]

- Ass. Para acolhimento de dependentes químicos e formação de conselheiros terapêuticos São Paulo Apóstolo (Coité do Nóia) - 82-999972151 / 82-981716256 - [email protected]

- Instituto Santana Cante – ISC (Santana do Ipanema) - 82-996052932 / 82-998076410 - [email protected]

- Fazenda para acolhimento de dependentes químicos Divina Misericórdia (Palmeira dos Índios) - 82-996141261 / 82-994014371 / 82-996016806 [email protected] / ly-amorim[email protected]

- Instituto Lar da Vida (Maceió) - 82-99651-1070 - [email protected]

- Ass. Vítimas das Drogas Santo Onésimo (Água Branca) - 82-99915-0704 - [email protected]

- Comunidade Gênesis – COMUGÊ (Campo Alegre) - 82-9.9309-6256 / 9.9944-7496 - [email protected]

- Ass. Aliança de Restauração (Maribondo) - 82-999219821 / 999215575 - [email protected] / [email protected] / [email protected]

- Centro de Assistência Social Betesda (São Miguel dos Campos) - 82 -993022477 - [email protected]

- Associação Civil Lar Semear (Arapiraca) - [email protected]

- Instituto Nova Vida - INOVI (Rio Largo) [email protected]

- Ass. de Acolhimento para Dependentes Químicos Divino Pai Eterno (Feira Grande) - [email protected] - 79-99913-5561 / 82-99670-4825

- Casa de Restituição Shalom (São Miguel dos Campos) - [email protected] - 82 - 99129-9438

- Ass. de Recuperação Social Desafio Jovem de Alagoas (Rio Largo) [email protected] - 82 3352-7208

- CTNV. Comunidade Terapêutica Nova Vida - (Arapiraca) - 82 99844-1847 / 99663-4161

- Comunidade Acolhedora para dependentes químicos Sagrada Família (Arapiraca) - [email protected] - 82-99937-5485 / 82-98818-2838

- Ass. Jesus te ama (Anadia) - [email protected] - 82-999082601 / 82-99620-0642

- Fazenda Kerygma (Craíbas) -  [email protected] - 82-99800-7439 / 82-98143-2498

- Ass. Católica Emissários de Jesus – Comunidade acolhedora Yobel (Quebrangulo) - [email protected] - 82-98157-2507

- Obra Social N.S.G – Fazenda da Esperança Nossa Senhora do Amparo (Poço das Trincheiras)  - [email protected] - 82-996706869 / 82-981070284

- Instituto Mãe Rainha (Marechal Deodoro) - [email protected] - 82-988102888

- Comunidade Casa Dona Paula (Arapiraca) - [email protected] - 82- 99992-0005

- Associação Paz em Cristo (Marechal Deodoro) - [email protected] - 82-99111-1520 / 99375-2529

Arapiraca comunidades acolhedoras dom valério breda Fratercom

Veja Também

Comentários