CRIME PASSIONAL

Sargento da PM é preso acusado de matar pedreiro em Palmeira dos Índios

Esposa da vítima também está detida

POR: 7Segundos
O pedreiro foi assassinado a tiros em Palmeira dos Índios
Cortesia

Um sargento da Polícia Militar de Alagoas (PM/AL) está preso acusado de matar um pedreiro no município de Palmeira dos Índios, no Agreste de Alagoas. A esposa da vítima também foi presa suspeita de ter participado intelectualmente do assassinato ocorrido no dia 26 de fevereiro desse ano. Os dois foram detidos nesta quarta-feira (3). A suspeita é que a motivação do crime seja passional.

Severino Ferro Ferreira foi preso no dia 3 de julho acusado de matar o pedreiro Joelson Silva dos Santos, 43 anos. Maria Cícera Silva dos Santos, mulher do trabalhador da construção civil, também foi presa acusada de ter participado do assassinato.

A Polícia Civil cumpriu os mandados a pedido da 4ª Vara Criminal. O sargento da reserva foi levado para o presídio militar, em Maceió e a mulher também foi levada para a capital alagoana. A suspeita é que os dois presos tinham um relacionamento amoroso.

O capitão Luciano, comandante da PM em Palmeira dos Índios, confirmou a prisão do militar e disse que a Polícia Militar adotou os procedimentos legais.

Joelson Silva dos Santos foi assassinado a tiros na manhã do dia 26 de fevereiro no bairro Palmeira de Fora, em Palmeira dos Índios. A motocicleta que a vítima usava no dia não foi roubada. Ele trabalhava como pedreiro e estaria indo em direção à cidade de Arapiraca para trabalhar no dia do crime.

pedreiro sargento Sargento da PM

Veja Também

Comentários