Recorde

Hospital regional sofre com superlotação em Arapiraca

Só no mês passado foram 17.579 atendimentos, um aumento de 42,32% em relação a maio de 2018

POR: Assessoria
Só no mês passado foram 17.579 atendimentos, um aumento de 42,32% em relação a maio de 2018
Assessoria

Primeiro lugar em cirurgias de face no Brasil, destaque estadual em redução de mortes por infarto do miocárdio e referência no programa Método Canguru em Alagoas. Estes são apenas três dos destaques recebidos pelo Hospital Regional Nossa Senhora do Bom Conselho, em Arapiraca.

Apesar de todas essas conquistas, atualmente o Hospital Regional está sofrendo com a superlotação de pacientes de quase 90 municípios e a ausência de novos investimentos por parte do setor público, mesmo a unidade sendo o principal acesso de saúde clínica na região.

A comprovação do quão grave está a situação pode ser vista através dos números apresentados pelo hospital nesta terça-feira (04). Só no mês passado foram 17.579 atendimentos, um aumento de 42,32% em relação a maio de 2018 e de 22,52% se comparado com o mês de abril deste ano.

Com os dados, maio se tornou o mês com maior número de atendimentos da história do HR, um fato histórico, mas muito preocupante, como explicou o diretor médico Ulisses Pereira. “Estamos impressionados com a quantidade de pacientes. É alarmante”, afirmou.

“A população precisa estar ciente da necessidade de prevenção constante com relação a muitas doenças, a exemplo das transmitidas pelo mosquito da Dengue. Sem isso todos saem prejudicados”, avaliou. 

A atual superlotação está relacionada também ao surto de Dengue que tem atingido o Estado. Além disso, muitos dos casos que chegam ao hospital poderiam ser resolvidos nas unidades básicas, por se tratar de registros com baixa classificação de risco.
 

Galeria de Fotos


atendimento Hospital recorde regional superlotação

Comentários