Perigoso

Suspeito de liderar facção é preso em Delmiro Gouveia

Carlos "Cobra" tinha mandado de prisão por homicídio e é suspeito de outros crimes

POR: 7 Segundos
Polícia Civil prendeu o suspeito na segunda-feira (28)
Reprodução

Uma operação policial que envolveu equipes da Delegacia Regional de Delmiro Gouveia e da delegacia de Piranhas prenderam um homem acusado de liderar uma facção criminosa no sertão alagoano. Carlos Eduardo da Silva, conhecido como "Carlos Cobra", era acusado do assassinato de Felype Silva, ocorrido em março deste ano e de pelo menos mais quatro homicídios.

A ação policial que prendeu Carlos Cobra foi organizada na quinta-feira (30), após a justiça acatar o pedido da Polícia Civil e expedir mandado de prisão pelo assassinato de Felype Silva. O jovem, que tinha 26 anos, foi assassinado a tiros durante uma festa na localidade conhecida como 44, na zona rural de Delmiro Gouveia.

Segundo informações, a vítima tinha envolvimento com uma quadrilha que fazia o tráfico de drogas no Conjunto Sônia Coco, conhecido como 369 Casas e faria parte de uma facção rival a do Carlos Cobra. O crime teria sido motivado pela rixa entre as duas facções e pelo comando do tráfico na região.

369 Casas delegacia de Delmiro delegacia de Piranhas Delmiro Gouveia Facção criminosa homicídio operação policial tráfico de drogas

Veja Também

Comentários