Calote?

Produtora não paga cachê e atração não se apresenta na Festas das Cores, em Arapiraca

Evento foi promovido por duas produtoras e uma joga responsabilidade na outra

POR: 7Segundos
Segundo informações, evento teve mais de 1.700 pagantes no domingo (22)
Reprodução

Os jovens que curtiam o Vibe Festa das Cores Estudantil, promovido no domingo (21) no Arapiraca Garden Shopping saíram decepcionados com o encerramento do show sem a apresentação da atração principal, o MC Troinha. O empresário dele chegou a pegar o microfone no palco para explicar que o artista não se apresentaria porque não havia recebido o cachê.

"Estava do lado de fora, esperando meus filhos e os amigos dele que estavam no show e ouvi tudo. A pessoa se apresentou como empresário do Troinha e disse que ele tinha vindo para Arapiraca, estava hospedado no hotel desde cedo, mas não iria se apresentar porque não recebeu o pagamento. Meus filhos contaram que depois desse anúncio, muitas pessoas jogaram latinhas e vidro no palco", afirmou o empresário Alberto Sarmento.

Ele conta que ficou em uma pizzaria do lado de fora do show e disse que, pouco depois do anúncio do cancelamento da atração principal as pessoas começaram a deixar o local. "Eu também trabalho no ramo de eventos e sei que uma situação como essa é muito ruim. As pessoas que estavam lá pagaram para ver todas as atrações anunciadas, mas eles não cumpriram o que prometeram", declarou.

Informações, no entanto, dão conta que o artista não foi o único a ficar sem receber o pagamento pelo show. A produção também não teria pago o pessoal responsável pela iluminação, som e estrutura. Um trabalhador, que pediu para não ser identificado, contou ao 7Segundos que, como o MC Troinha não chegou para se apresentar, a atração anterior passou mais tempo no palco e que até a administração do Arapiraca Garden Shopping também procurou a produção para encerrar a festa. "O contrato era para que a festa terminasse às 22h e já era quase 23h e o pessoal esperando MC Troinha chegar. A produção com certeza vai ter que pagar multa pelo atraso. Isso vai ser uma desculpa a mais para eles não pagarem a gente", afirmou.

A Vibe Festa das Cores Estudantil é um evento que reuniu duas produtoras de eventos, a Vibe e a Festa das Cores Estudantil. O evento começou pouco depois das 14h e teve um público estimado de 1.700 pagantes. Os ingressos custaram R$ 20 antecipado e R$ 30 na hora do show.

A reportagem entrou em contato com representantes das duas produtoras e ambos se isentam da responsabilidade sobre o ocorrido. O Júnior, do Festa das Cores Estudantil alegou que a Vibe ficou responsável por toda a parte financeira do evento.

"Não tive acesso ao dinhero do evento porque quem ficou cuidando dessa parte foi o Gustavo da Vibe. Não sou o responsável pelo que aconteceu, a Festa das Cores Estudantil não é responsável. Nós estamos aqui para fazer um trabalho sério, igual ao que fizemos na primeira edição", afirmou Júnior, do Festa das Cores. Ele declarou ainda que o empresário do MC Troinha havia entrado em contato com ele para reclamar que não havia recebido o cachê.

Gustavo, da Vibe, também foi procurado pela reportagem. Ele afirma que a Festa das Cores Estudantil não cumpriu com a parte dela da produção e disse que o MC Troinha não se apresentou porque chegou ao local do evento às 21h30, meia hora antes de encerrar o horário contratado com o shopping.

"Toda nossa produção cumpriu com o que foi destinado. Porém a outra produtora, não efetuou os pagamentos. Inclusive temos os comprovantes dos demais [pagamentos]. Em relação às atrações que estavámos responsáveis: MC dBobby, James, Dada Boladão, todos estão ok. Inclusive som, bombeiros, segurança, e iluminação", respondeu Gustavo da Vibe. 

Galeria de Fotos


Arapiraca calote Festa das Cores show show musical Vibe

Veja Também

Comentários