EX-BBB

Paula Von Sperling é indiciada por intolerância religiosa

Delegacia concluiu que houve preconceito contra Rodrigo França

POR: O Fuxico
Paula foi acusada de racismo e intolerância religiosa dentro do programa
Reprodução/TV Globo

Paula von Sperling foi indiciada na última quinta-feira (18) por intolerância religiosa praticada durante o Big Brother Brasil 19, da TV Globo. A Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi), da Polícia do Rio de Janeiro, concluiu que houve preconceito contra Rodrigo França, que participou da atração com a sister.

O inquérito policial será encaminhado à Justiça, que analisa o caso e pode decidir entre três alternativas: concordar que houve crime e abrir um processo; pedir a coleta de novos dados ou entender que não houve crime. A pena é de três anos de prisão e multa.

Paula prestou depoimento na última segunda-feira.

BBB19 Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi) Paula Von Sperling Polícia do Rio de Janeiro

Veja Também

Comentários