Fiscalização

Postos de combustíveis terão que explicar valor da gasolina em Arapiraca

Procon vai notificar mais de 15 autopostos a partir de sexta

POR: Patrícia Bastos
Preço da gasolina de Arapiraca chama a atenção do Procon
Josival Meneses/7 Segundos

Mais de 15 postos de combustíveis de Arapiraca terão que explicar ao Procon municipal o preço aplicado nas bombas de gasolina. De acordo com coordenador do órgão, Dennys Reis, as notificações serão entregues a partir desta sexta-feira (04).

Os autopostos terão prazo para encaminhar planilhas justificando os preços praticados, especificando valores e fonte de aquisição dos combustíveis e a margem de lucro aplicada, entre outros itens.

"Não podemos dizer, neste momento, que os postos estão praticando valores abusivos. Existem muitas variáveis até chegar ao preço que é apresentado ao consumidor. Em Maceió, por exemplo, alguns postos de combustíveis compram direto das refinarias e, por conta disso, podem ter gasolina mais barata do que os demais, que compram das distribuidoras", explicou Reis.

De acordo com ele, até mesmo a data em que o combustível foi adquirido pelos postos influencia no preço, já que o valor praticado pelas refinarias tem oscilação diária. A variação de preço de um Estado para outro também é justificada. "Muitos falam que, em Pernambuco, a gasolina é mais barata que em Alagoas, mas isso se deve à diferença do ICMS e da pauta de venda praticada nos dois Estados", disse.

Galeria de Fotos


gasolina postos de combustíveis procon arapiraca

Veja Também

Comentários