Caso Boiadeiro

Acusado da morte de Neguinho Boiadeiro retorna à Câmara de Batalha

POR: 7Segundos
Vereador Sandro Pinto
Arquivo Pessoal

O vereador de Batalha Sandro Pinto (PMN), réu na investigação pelo homicídio de Adelmo Rodrigues (conhecido como Neguinho Boiadeiro), retornou aos trabalhos na Câmara Municipal na manhã desta quinta (8). A volta do parlamentar para o Legislativo gerou repercussão entre os populares. Informações extraoficiais dizem que o políciamento foi reforçado no local.

Em fevereiro de 2018, Alex Sandro Rocha Pinto foi preso, com mais dois envolvidos, acusado de participar do homicídio de Neguinho Boiadeiro, morto em novembro de 2017. Neguinho era vereador da cidade de Batalha, e foi morto a tiros na porta da Câmara Municipal.

Quase um mês após a prisão, Sandro foi liberado por ter cumprido o período padrão em prisões temporárias. O Tribunal de Justiça de Alagoas não confirmou se havia um novo pedido de prisão contra o vereador, mas no último dia 31, o juiz Edivaldo Landeosi, da Comarca de Batalha, revogou a prisão de Sandro, deixando-o autorizado a retornar à Câmara.

Alex Sandro precisará cumprir medidas cautelares, estando em liberdade, enquanto a investigação estiver em curso. Dentre as imposições do Judiciário, Sandro deve comparecer em juízo a cada 15 dias, não pode ter nenhum contato com parentes de Neguinho ou com testemunhas do caso, e não pode se ausentar de Batalha por mais de oito dias sem comunicação prévia. Cumprindo-se todos os pedidos, o réu pode realizar suas atividades parlamentares normalmente.

Batalha Caso Boiadeiro sertão alagoano Vereador Sandro Pinto

Veja Também

Comentários