Se arrependeu?

Adoniram volta atrás e continua na Coordenação de Licitações de Teófilo

Secretário havia pedido exoneração do cargo em junho, mas permanece

POR: Paulo Marcello, 7Segundos
Adoniran Guerra em entrevista

Depois de ter ‘jogado a toalha’, há cerca de um mês, o empreendedor Adoniram Lúcio de Souza Guerra foi visto, nesta semana, no comando do gabinete de aquisição de bens e serviços da prefeitura de Arapiraca.

Na verdade, ele não foi exonerado (ainda), apesar de ter até se despedido de sua equipe e anunciado, numa emissora local, que estava deixando a administração para ‘tocar’ os negócios no exterior. Adoniram é um dos homens de confiança do prefeito Rogério Teófilo (PSDB) e havia dito que daria ‘um tempo’ no serviço público para se dedicar integralmente à família e aos negócios particulares. Esta é a segunda vez, em um ano, que o empreendedor anuncia que deixaria o cargo, mas que por motivos pessoais teria voltado atrás, de novo. 

Ele chegou a fazer parte da longa lista de secretários da gestão tucana que saíram do governo a pedido do prefeito, ou por rompimento político, como as ex-secretárias de Serviços Públicos, Vanessa Sampaio e de Educação, Mônica Pessoa - esta última disse que não conseguiu implementar ações importantes devido a morosidade do Poder Executivo e pouca autonomia nas decisões. 

Foram 18 meses em que Adoniram respondeu por um dos setores primordiais da prefeitura, que lida com licitação e aquisição de bens e serviços, atualmente nomeada de Coordenação Geral de Licitações (CL). Foi o próprio Guerra que informou, no início da gestão, que não ficaria até o fim do mandato de Teófilo por conta das ocupações em suas empresas ou porque pretendia dedicar-se mais à família.

Ele confirmou, na tarde desta quinta-feira (19), que continua na prefeitura trabalhando e contribuindo com a gestão do prefeito Rogério Teófilo. 

“Permaneço à frente da Coordenação de Licitações e disse ao Rogério que quando quiser fazer a mudança estarei de acordo e continuarei à disposição do seu governo para ajudar Arapiraca. Permaneço sim, aguardando o momento que Rogério entenda ser a hora de fazer a mudança. Nosso governo está construindo um bom e grande governo para Arapiraca”, respondeu.

A saída extraoficial de Adoniram da CL chegou a ser interpretada como estratégia para fugir dos holofotes, após denúncias de que sua pasta teria sido responsável pela aquisição de mobiliário escolar, sem processo licitatório, o que fora desmentido pelo Coordenador. Guerra explicou que o material adquirido em dezembro de 2017 teve que percorrer outro caminho, ou seja, foram feitas adesões à Atas de Compras de outros Estados, mas tudo teria sido feito dentro do que a Lei permite nestes casos, quando não há tempo para correr a licitação. 

De acordo com Adoniran Guerra, caso as compras não fossem feitas à época, pelo mecanismo de adesão à atas, a prefeitura poderia ter sofrido punições, já que não teria fechado o ano com gasto mínimo de 25% na Educação, conforme preconiza a Lei.

Adoniram Guerra gabinete gestão prefeitura Rogério Teófilo

Veja Também

Comentários