Seita

Atriz de "Smallville" promovia estupros a escravas sexuais

Allison Mack também planejou sequestros de mulheres em seita

POR: Terra Notícias
Allison Mack afirmou ter sido vítima de lavagem cerebral por parte do líder da NXVIM
Reprodução/Internet

Acusada de ser uma das 'cabeças' da seita NXVIM, Allison Mack foi acusada de promover sequestros e estupros a mulheres. A atriz de "Smallville" selecionava escravas para serem avaliadas e violentadas pelo líder do culto macabro, Keith Raniere.

De acordo com o “Radar Online”, uma fonte revelou ter sido levada à força ao guru pela artista e abusada múltiplas vezes. “Ela nos obrigava a fazer qualquer coisa que o Raniere nos pedisse”, realtou.

A vítima também detalhou que, após ser entregue ao agressor, teve as roupas removidas, o corpo analisado pelo maníaco e depois foi colocada em um carro com os olhos vendados para ser levada a uma casa na qual foi amarrada a uma mesa.

Uma outra pessoa no local foi forçada a fazer sexo oral na mulher, que depois foi estuprada por Raniere.

Allison Mack também obrigava outras participantes da seita a posarem nuas e tinha o ‘ensaio’ todo enviado a Keith Raniere, para que ele escolhesse suas vítimas.

Vale lembrar que a atriz vem alegando ter sido vítima de lavagem cerebral de seu chefe e que, por isso, não respondia por seus atos. O julgamento terá continuidade no dia 13 de junho, nos Estados Unidos.

culto macabro estupros seita sequestros

Veja Também

Comentários