Sem provas

[Vídeo] "A mídia não divulga isso", diz vereador alegando existir fraudes na gestão passada

POR: 7Segundos
Sessão da Câmara Municipal de Arapiraca
Josival Meneses/7Segundos

Os vereadores por Arapiraca reuniram-se nesta terça-feira (15), em mais uma sessão ordinária, provisoriamente acontecendo no Centro de Referência Integrado de Arapiraca – CRIA. Muitas matérias foram colocadas para aprovação, entre publicações de projetos, requerimentos e indicações.

O vereador Rogério Nezinho (MDB), solicitou às secretarias de Educação e Saúde que enviassem à Câmara Municipal de Arapiraca relatórios com informações de como andam as obras do posto de saúde e da escola, localizadas no bairro Arnon de Melo. Nezinho disse que há muito tempo essas obras estão paralisadas e destacou que em 2017 o secretário de Viação e Obras, Daniel Soares, esteve na Câmara Municipal e prometeu que as construções seriam iniciadas naquele mesmo ano, o que não aconteceu, prejudicando as crianças que precisam estudar como, também, a própria população que necessita urgente de atendimento médico.

Jário Barros (PRP) ao comentar sobre a indicação do colega, disse que as empresas responsáveis por esses serviços - de péssima qualidade – devem ser punidas na forma da lei. Defendeu, mais uma vez, a gestão atual alegando que não se pode atribuir responsabilidades a problemas que foram iniciados em gestões anteriores. Afirmou que existiam muitos processos licitatórios fraudulentos na gestão passada e muita coisa camuflada, e responsabilizou a mídia arapiraquense por não divulgar isso. Porém, o vereador não apresentou nenhuma prova que corroborasse suas acusações.

Léo Saturnino (MDB) em defesa de Nezinho, defendeu que a administração municipal não contrate empresas que não realizem um trabalho de boa qualidade. Disse que isso prejudica crianças que não tem onde estudar, e que a comunidade do Arnon de Melo acaba não recebendo atendimento médico por falta de um posto de saúde.

Léo solicitou ao governo do Estado e à administração municipal, a criação de uma Central de Abastecimento de Alimentos em Arapiraca (CEASA). Léo disse que a construção irá contribuir de forma direta com pessoas que comercializam seus produtos em toda Alagoas, especialmente em Arapiraca, uma vez que o município é considerado como um grande polo na agricultura.

O vereador Dr. Fábio (PR), por sua vez, solicitou da Suprintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), o reordenamento dos estacionamentos públicos no Centro de Arapiraca com locais específicos para motos, carros, vagas para deficientes e idosos. O vereador chamou de caótico alguns espaços da cidade e frentes de lojas que ficam repletas desses veículos, sem a mínima organização.

 

Confira nossa reportagem em vídeo:

 

Câmara de Vereadore Jário Barros sessão ordinária

Veja Também

Comentários