Eleições 2016

Prefeito de Pão de Açúcar é condenado a pagar multas por fraudar pesquisas eleitorais

POR: 7segundos
Prefeito de Pão de Açúcar, Flávio Almeida
Reprodução

No último dia 5, o Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE/AL) recusou o pedido da defesa do prefeito de Pão de Açúcar Flávio Almeida (MDB), sobre o processo que acusa o gestor de manipular resultados de pesquisas eleitorais e, assim, interferir no resultado da eleição municipal.

O juiz eleitoral Edvaldo Landeosi condenou o prefeito a pagamento de multa por uso de artifícios ilícitos de manipulação da eleição municipal. Segundo consta no processo, Flávio divulgou resultados de pesquisas fraudulentas para induzir pessoas a votarem em sua legenda partidária. O julgamento do processo ainda será agendado pelo TRE/AL.

Flávio já cumpre outro processo eleitoral, movido pelo mesmo juiz, onde teve seu mandato cassado e seus direitos políticos suspensos, tornando-se inelegível por 8 anos. A acusação, desta vez, disse respeito a abuso de poder econômico, fazendo-se uso de uma ONG que prestava serviço para comunidade com intenções eleitorais. O processo ainda não foi julgado e Flávio continua podendo atuar como prefeito.

O vice-prefeito Clayton Farias é também indiciado nos dois processos que Flávio responde.

Alagoas Eleições Municipais Flavinho Almeida Pão de Açúcar pesquisa eleitoral processo

Veja Também

Comentários