Investigação

Vereador morto em Batalha tinha ligação com os Boiadeiros

Saiba quem assume vaga

POR: Amanda Dantas
Tony Pretinho
Divulgação
A Polícia Civil confirmou que o vereador, Tony Carlos da Silva Medeiros, o Tony Pretinho, era padrinho de um dos netos do também assassinado vereador Adelmo Rodrigues de Melo, o Neguinho Boiadeiro. A proximidade com a família Boiadeiro pode ter motivado o assassinato de Tony Pretinho, mas a PC não deve descartar outras linhas de investigação.

O atirador teria usado um gol preto na fuga. Além dos disparos de pistola, Tony foi acertado com uma bala de arma de fogo calibre 12.

Tony foi sepultado na manhã do domingo (17), no cemitério municipal de Batalha, na presença de parentes e amigos próximos.

A Prefeitura decretou luto oficial de três dias pela morte do vereador Tony Pretinho.

Suplente
Helton Jorge Silva Macedo (SD), 28 anos, deve assumir a vaga deixada pelo vereador, morto na noite do último dia -feira, 15, em frente a sua residência em Batalha. No dia seguinte à morte de Tony Pretinho a Polícia Civil designou uma comissão de elegados para investigar a morte do parlamentar-mirim.

Ainda não há data oficial para cerimônia de posse de Helton Macedo, que deve permanecer no cargo até dezembro de 2019.

Galeria de Fotos


Batalha Dantas investigação neguinho boiadeiro Polícia Política Sertão tony pretinho

Veja Também

Comentários