resistência religiosa

[Vídeo] Mães de Santo de Arapiraca são homenageadas em celebração contra a intolerância

Na oportunidade, Cleide Serafim ressaltou a importância do ato, sobretudo, como forma de resistência

POR: 7 Segundos
Mães de Santo de Arapiraca são homenageadas em celebração contra a intolerância
7 Segundos - Arapiraca

Como parte das celebrações em comemoração ao Dia da Consciência Negra, religiosos e simpatizantes das religiões de matrizes africana reuniram-se, nesta quinta-feira (30), para homenagear a resistência de três yalorixás (mães de santo) de Arapiraca. O ato foi realizado nas dependências da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal).

Foram homenageadas as yalorixás Luci D' Yemanjá, Rita D' Oxum e Guida D' Ogun, reconhecidas como as religiosas com mais tempo dedicados à resistência do Camdoblé no Agreste alagoano.

“Seguimos contemplando o mês da Consciência Negra na nossa cidade. Hoje nós estamos pegando o ensejo de uma caminhada contra o preconceito e intolerância religiosa, para homenagear as três yalorixás vivas mais velhas de Arapiraca”, explicou a coordenadora da Casa da Cultura da cidade, Cleide Serafim.

Na oportunidade, Cleide Serafim ressaltou a importância do ato, sobretudo, como forma de resistência. “Um ato importante para elevar a religião e promover a ideia de que fundamental o respeito ao próximo”, reforçou a cordenadora, acrescentando que o ato contou com o apoio da Universidade e das secretarias municipais de Lazer e Cultura de Arapiraca.

 

Galeria de Fotos


Arapiraca camdoblé Consciência Negra homenagem mães de santo

Veja Também

Comentários