MST

Acampados de movimento ‘sem terra’ ocupam sede da Prefeitura de Penedo

Protesto iniciado nesta terça-feira (14)

POR: Fernando Vinícius/7 Segundos
Sem terra ocupam prefeitura de Penedo
Peterson Almeida/cortesia

Integrantes de acampamento organizado pelo Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) que reúne cerca de 120 pessoas em Penedo, município situado no Baixo São Francisco alagoano, ocuparam a sede da prefeitura da cidade ribeirinha na manhã desta terça-feira (14).

De acordo com André Teixeira, além de membros do acampamento Nova Esperança, o ato conta com a participação de membros do MST que vieram dos municípios de Piaçabuçu, Igreja Nova, São Sebastião e Junqueiro.

Ainda segundo o representante do acampamento, o objetivo da ocupação é tentar obter o atendimento de pauta apresentada desde agosto, quando membros do Nova Esperança e do assentamento Novo Horizonte reuniram-se com o prefeito Március Beltrão.

“O chefe de gabinete nos atendeu e disse que o prefeito está viajando, mas nós só vamos sair daqui depois de conversar com ele. Estamos preparados para ficar e vamos permanecer aqui dentro da prefeitura até ele aparecer”, afirmou André Teixeira ao 7 Segundos.

Os sem terra cobram direitos fundamentais, como acesso à saúde pública e educação, e ainda o preparo do solo para cultivar terra, rolos de lona para cobrir barracos, realização de feira agroecológica na cidade e sementes distribuídas pela Emater, dentre outras reivindicações.

O 7 Segundos manteve contato com a assessoria de imprensa da prefeitura de Penedo e foi informada que o prefeito Március Beltrão está em Maceió, mas conversará com os sem terra no período da tarde. Além disso, o gestor adiantou que mantém os compromissos assumidos com o pessoal dos assentamentos Novo Horizonte e São José, ambos regularizados junto ao Incra, o que ainda não ocorre com o acampamento Nova Esperança.

Galeria de Fotos


acampamento nova esperança Novo Horizonte Penedo prefeitura Sem Terra

Veja Também

Comentários