nota oficial

Prefeitura esclarece que descontos salariais de servidores já foram devolvidos

POR: 7 Segundos Arapiraca
Centro Administrativo da Prefeitura de Arapiraca
Ascom / Prefeitura de Arapiraca

Parece que a greve dos servidores da educação do município de Arapiraca, no Agreste de Alagoas, ainda vai render. 

Nessa terça-feira (07), depois de meses de encerrada a greve, o Tribunal de Justiça de Alagoas julgou improcedente o pedido para que fosse declarada ilegal a greve dos servidores da educação deflagrada em maio.

De acordo com a decisão, a Prefeitura deve devolver valores descontados indevidamente dos salários, e ainda pagar honorários ao advogado do Sindicato dos Trabalhadores da Educação em Alagoas (Sinteal).

Mas, em nota oficial divulgada na manhã desta quarta-feira (08), a prefeitura informou que todos os descontos salariais foram devolvidos, respeitando calendário de reposições previamente definidos com o Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Alagoas (Sinteal) no mês de agosto deste ano. 

Segue abaixo a nota na íntegra:

A Prefeitura de Arapiraca esclarece que a decisão divulgada ontem pelo Tribunal de Justiça de Alagoas referenda o acordo firmado com o Sinteal em agosto último. Com o fim da greve, todos os descontos salariais foram devolvidos, respeitando calendário de reposições previamente definidos. Inclusive os 2,33% de aumento retroativos a abril foram pagos em setembro. A Prefeitura reitera que está sempre aberta ao diálogo com todas as categorias e segue com sua política de valorização dos servidores públicos de Arapiraca, mesmo no cenário de crise que afeta o municipalismo em nível nacional.

Arapiraca decisão TJ/AL descontos devolvidos educação greve greve da educação greve da educação em arapiraca justiça prefeitura de Arapiraca servidores Servidores da educação Tribunal de Justiça

Veja Também

Comentários