Alagoano

Homem que matou mulher em Penedo é preso quando fugia para a Venezuela

POR: 7 Segundos com ascom PC/AL
Genilson Ferreira Silva teria matado uma operadora de caixa em Penedo. Ele foi preso na venezuela
Ascom PC/AL

Genilson Ferreira Silva foi preso no dia 28 de maio, quando fugia para a Venezuela, mas só agora a prisão foi divulgada. A polícia do município de Penedo, onde o suspeito teria assassinado uma operadora de caixa de um supermercado no dia 23 de fevereiro, entrou em contato com a polícia de São Paulo, após ter informações que Genilson teria fugido com destino ao estado. A Polícia Federal aguarda a deportação do foragido.

De acordo com informações de policiais civis da Regional de Penedo, Genilson foi detido em uma cidade da Venezuela, na região de fronteira, pela Polícia Federal daquele país.

O suspeito estava sendo procurado pelo homicídio da operadora de caixa Claudinete Catum. Contra ele já existia um mandado de Prisão Preventiva emitido pelo juíz da 4º Vara Criminal de Penedo, atendendo a representação formulada pela Polícia Civil, após as investigações.

“Genilson fugiu em um ônibus para o estado de São Paulo, e nós mantivemos contato com a Polícia paulista que tentou efetuar sua prisão, mas ele a todo tempo mudava de esconderijo”, afirmou o delegado Regional de Penedo, Guilherme Iustem.

A polícia aguarda agora a realização dos trâmites cabíveis para a deportação do suspeito. Retornando para o Brasil, Genilson será encaminhado para Penedo onde responderá pelo crime que cometeu.

No momento do crime, a Polícia Civil de Alagoas, por meio da Delegacia Regional de Penedo, esclareceu o homicídio em menos de 48 horas.

 “Através das investigações descobrimos que antes dele cometer o assassinato, esteve no supermercado outras duas vezes procurando Claudinete, e não a encontrou. Após finalizarem o relacionamento, ele se mudou para o Estado de São Paulo”, concluiu Guilherme Iusten.

Galeria de Fotos


enquanto Foragido fronteira fugia Polícia preso Venezuela

Comentários