com 36 anos

Com passagem pelo ASA, Ciel garante novo momento na carreira: "Sou pai de família e profissional"

POR: Augusto Oliveira - Estagiário
Ciel defendeu o ASA e Corinthians-AL
Reprodução

O meia Ciel deixou o futebol árabes após oito temporadas. Em 2016, ele teve uma curta passagem pelo Ceará, mas logo voltou a jogar no exterior. Em 2010, Ciel teve grande destaque pelo ASA na Série B do Campeonato Brasileiro.

No Alvinegro Arapiraquense, ele fez 14 gols em 21 partidas na Segunda Divisão do Brasileirão. Agora com 36 anos, o pernambucano atualmente defende o Caucaia-CE na Taça Fares Lopes. Mais experiente e na reta final da carreira, Ciel garante ter mudado os hábitos fora de campo. Em entrevista à NordesTV, de Fortaleza, ele comentou sobre os novos rumos que tomou na vida.

"Sou um servo do senhor, pai de família, um profissional. Hoje, eu posso abrir a boca e falar que sou profissional. Sou caseiro, um cara que vive dentro de casa. Nas minhas horas de lazer, de folga, quero estar sempre com as minhas filhas e esposa. No meu tempo de lazer, eu queria jogar futvôlei, baralho, fazer um churrasco, queria estar com os amigos, e esquecia minha esposa, minhas filhas e Deus. Hojé é ao contrário."

O campeão da Taça Fares Lopes ganha uma vaga na Copa do Brasil de 2019. Ciel já marcou dois gols e seu time atualmente é o primeiro colocado.

"O time está na liderança do campeonato. Tenho certeza que a gente pode chegar mais longe ainda."

alvinegro ASA Ciel Futebol

Veja Também

Comentários