Torcidas

Tumulto, prisões e feridos foram registrados na partida de ASA e Sergipe

POR: 7Segundos
Integrantes da torcida do Sergipe na Delegacia Regional de Arapiraca
Josival Meneses/7Segundos

Infelizmente, e novamente, uma partida de futebol aparece relacionada a delitos nas páginas policiais. Tumulto, apreensões, feridos e uma torcida inteira detida na delegacia foram alguns dos episódios registrados no jogo entre ASA e Sergipe, neste domingo, no Estádio Municipal de Arapiraca.

Antes mesmo do início da partida, a confusão estava formada. O conflito entre as duas torcidas deixou ferido Erinaldo Alves da Silva Júnior, de 23 anos, com uma pedrada no olho. Pelas informações passadas, Erinaldo não integrava nenhuma das duas torcidas. A vítima foi socorrida e encaminhada para o Hospital de Emergência do Agreste.

Além de pedras, garrafas e outros objetos foram usados como armas para as duas torcidas se agredirem. O assessor do ASA, Vitor Hugo, foi ainda atingido por um pedaço de madeira, mas não chegou a precisar de atendimento médico. Após conseguir dispersar a confusão, a Polícia encaminhou integrantes das duas torcidas para a Central de Polícia da cidade (4º DRP).

Um dos prováveis motivos da confusão é uma tentativa de revanche, após o confronto entre as mesmas torcidas no dia 21 de abril, na arquibancada da Arena Batistão, em Aracaju. As testemunhas informaram que a torcida do Sergipe já saiu do ônibus fazendo uso de rojões e bombas caseiras.

Outra situação de delito foi registrada: a Polícia Militar recebeu a denúncia que quatro ocupantes de um veículo eram integrantes de uma das torcidas que estava provocando o tumulto. Foram encontrados no veículo alguns artefatos e barras de ferro. Os quatro (dentre eles, dois moradores de Maceió) foram indiciados pelo crime de promover tumulto e praticar/incitar violência.

Galeria de Fotos


Alagoas Arapiraca ASA Coaracy da Mata Fonseca Confusão Sergipe times de futebol torcidas organizadas Tumulto

Veja Também

Comentários