Politicando

O objetivo do blog é analisar a conjuntura política na capital e no interior de Alagoas.

Júlio Cézar tem dificuldade para encontrar um novo vice e aliados rejeitam o cargo

Dr Márcio pode não se manter no cargo por conta de crise na Saúde do município.

POR: Politicando
Julio Cezar e Dr. Márcio durante posse em 2017

O Prefeito de Palmeira dos Índios está com dificuldades para encontrar um novo vice para disputar a reeleição. Júlio Cézar (PSB) enfrenta resistência das ruas e até mesmo do seu grupo político quando o assunto é o nome para substituir o médico e atual secretário de Saúde, Márcio Henrique (Cidadania), na formação da chapa situacionista.

Desde que assumiu a secretaria de Saúde, Dr Márcio tem perdido o apoio político e é acusado pela população de ter gerado um caos no sistema público de saúde. Áudios e vídeos com reclamações sobre a crítica situação da pasta circulam nas redes diariamente. A falta de médicos e medicamentos são as principais queixas.

O Presidente da Câmara Municipal, Agenor Leôncio (PSB) era a principal aposta para assumir o posto de vice-prefeito. Mas, em entrevista ao 7segundos, o vereador deixou claro que não tem interesse no cargo e que vai disputar a reeleição. 

Júlio Cezar perdeu a credibilidade da população por fazer muitas promessas e não cumpri-las. Além disso, a atitude destemperada e desrespeitosa de atacar aqueles que criticam a sua gestão também fizeram a sociedade fazer uma reanalise sobre a necessidade de ele continuar na prefeitura. O gestor recebeu apelidos como “Rolando Lero” (personagem mentiroso da Escolinha do Professor Raimundo) e Imperador.

Ao que parece, ninguém quer arriscar ser o vice de um prefeito que só inaugura obras de gestões anteriores e até agora não mostrou uma identidade própria de sua gestão. Seus secretários são um misto das administrações de Albérico Cordeiro e James Ribeiro.

Eleições Júlio Cezar Palmeira dos Índios

Veja Também

Comentários