Paulo Marcello

Radialista, animador de eventos e mestre de cerimônias. Apresentador do programa Na Mira da Notícia na rádio Gazeta FM Arapiraca. Repórter e blogueiro do Portal 7 Segundos.

Ação penal

TJ julga ação penal contra prefeito de Maribondo por violência doméstica

Esposa e sogra foram vítimas de agressões físicas e psicológicas

POR: Sete Segundos com TJ/AL, TJ/AL
Caso volta à pauta do Pleno do Tribunal de Justiça
Arquivo / 7 Segundos

Está na pauta do Pleno do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), na sessão desta terça-feira (15), a ação penal em que o prefeito de Maribondo, Leopoldo César Amorim Pedrosa, é acusado de lesão corporal contra a esposa e a mãe dela. A sessão está prevista para as 9 horas da manhã.

Leopoldo foi preso no dia 28 de junho de 2017 pela Polícia Civil após ser representado por denúncia de violência doméstica cometida contra esposa e sogra. Na época, o Ministério Público do Estado (MPE) ajuizou uma ação penal pedindo a manutenção da prisão do gestor, bem como a perda do mandato.

De acordo com o processo, o MP afirma que ambas foram vítimas de agressões físicas e psicológicas por parte do prefeito, em Julho de 2015, na residência em que Leopoldo e as vítimas moravam, no bairro Antares, em Maceió. 

Já em Outubro de 2017, o Pleno do TJ também decidiu pelo recebimento de mais uma denúncia contra o prefeito em outro caso de suposta agressão contra as mesmas vítimas, ocorrida em Junho do ano passado.

 

Agreste Alagoas leopoldo pedrosa lesão Corporal Maribondo Tribunal de Justiça Violência contra a Mulher

Veja Também

Comentários