Mozart Luna

Jornalista 

acusação

Vereador diz que filho de prefeito é 'fantasminha' na prefeitura

Fabiano Leão disse que filho do prefeito Rogério Teófilo recebe da prefeitura sem trabalhar

POR: Mozart Luna
Fabiano Leão
Assessoria

O vereador Fabiano Leão (PMDB) denunciou, durante a sessão ordinária dessa quarta-feira (25), um filho do prefeito Rogério Teófilo (PSDB) seria um “fantasminha” do serviço público pois recebe um salário de R$ 11.800 sem dar um dia de trabalho no Executivo Municipal. O vereador não citou o nome do filho do prefeito, mas foi enfático em dizer que é preciso que o fato seja esclarecido.

Os políticos reagiram com veemência às acusações que a Casa Herbene Melo vem sofrendo nos últimos dias em blogs na internet. Os vereadores decidiram que vão acionar a procuradoria jurídica da Câmara para representar os responsáveis pelos ataques.

O vereador Moisés Machado (PDT) concordou com o posicionamento de Fabiano Leão e lamentou o uso da imprensa para difamar e enlamear o trabalho do Legislativo. Lembrando que, em toda a história do Poder Legislativo de Arapiraca, ninguém nunca viu uma campanha tão difamatória como a que está acontecendo agora.

Moisés Machado lamentou que neste contexto, haja servidores da prefeitura usando as redes sociais para denegrir a imagem de uma instituição como a Câmara Municipal. Moisés Machado perguntou o motivo de um vereador não poder ter um cargo comissionado, se em todas as esferas isso acontece.

O parlamentar disse, ainda, que a presença de pessoas ligadas a parlamentares no Poder Executivo é um fato normal do processo político e democrático em todas as esferas, como por exemplo na prefeitura de Maceió, Pão de Açúcar e até no Governo do Estado e Federal. Negar esse fato é ser hipócrita, já que faz parte da dinâmica política.  

Ele encerrou afirmando que o Poder Legislativo tem que emitir uma nota oficial de repúdio contra essas pessoas que estão tentando denegrir a imagem da Câmara Municipal e que aponte os nomes de quem está envolvido em atos errados.

Presidente

A vereadora e presidente da Casa, Professora Graça, também foi outra a se mostrar indignada com essas críticas, afirmando que não se atira pedra em árvores que não dão frutos, ao se referir a atuação dos 17 vereadores, que no seu entendimento, está incomodando a alguém, onde o Legislativo vem realizando um trabalho sério em benefício da sociedade, que precisa vir às sessões para acompanhar de perto o trabalho de cada parlamentar e fazer sua avaliação.

Professora Graça falou sobre a atuação profissional de três membros da imprensa arapiraquense, que trabalham com respeito e ética, citando o radialista Isve Cavalcante, da 96 FM Arapiraca, Nasário Silva, da Pajuçara e Carlos Bandeira, do Jornal Arapiraca, um dos mais importantes jornalistas do estado de Alagoas. Professora Graça, disse que o Brasil, vem passando nos últimos dois anos, por uma crise muito grave, que não é política, porém, uma crise moral, onde o cidadão deixou de saber o seu papel.

Ela disse que lamentava muito esse problema que vem acontecendo com as críticas ao Poder Legislativo, que no seu entendimento, tem cumprido com o seu principal papel que é além de criar leis, fiscalizar o executivo e isso vem sendo feito com respeito.

Professora Graça disse que os Poderes Legislativo e Executivo, estão passando por momentos de turbulência, mas deixou claro, porém, por falta de diálogo que se resolve tudo. Ela encerrou afirmando que não fazia a menor questão de discutir o que ela chamou de imprensa marrom, que só vive da miséria alheia e sem nenhuma responsabilidade com a verdade dos fatos, mas com mentiras e maldades.

Resposta 

A coordenadoria de comunicação da prefeitura de Arapiraca enviou uma nota de esclarecimento sobre as acusações do vereador Fabiano Leão: “ O advogado Moacir Teófilo Neto não possui qualquer vínculo empregatício com a prefeitura de Arapiraca. O referido advogado possui escritório jurídico e atualmente na área privada. Todos os servidores públicos, efetivos e comissionados, estão listados no Portal da Transparência Municipal. Não existe também qualquer “filho” de advogado” recebendo salário que corresponde aos que atuam no primeiro escalão da Prefeitura e que também constam no Portal citado”.

ataque câmara municipal de arapiraca censo executivo Fanstasminha Legislativo parlamentar prefeitura de Arapiraca Rogério Teófilo vereadores vereadores de arapiraca

Veja Também

Comentários