Mozart Luna

Jornalista 

Oposição em Arapiraca faz pacto de candidatura única

POR: Redação
Benedito de Lira
Agência senado

O Grupo de Partidos de Oposição (GPO) fechou questão em torno da ideia de formar uma frente única de oposição em Arapiraca, onde se pretende apresentar apenas um nome para disputar a prefeitura.

Os 12 partidos de oposição se uniram e realizaram um pacto político, onde quem quebrar esse acordo poderá ficar sem legenda, para ter um vice em uma possível terceira candidatura.

O partido Progressista (PP) do senador Benedito de Lira faz parte desse pacto e segundo a fonte do GPO, o pré-candidato a prefeito, o deputado estadual Tarcizo Freire, também terá que cumprir.

Segundo ainda a fonte do GPO, essa atitude do grupo é estratégica, pois tem o objetivo de polarizar a eleição, em apenas dois candidatos, sendo um da situação, no caso o deputado Ricardo Nezinho (PMDB) e outro da oposição.

Essa estratégia quer evitar “espalhar” os votos dos eleitores descontentes com a atual administração. Segundo o integrante do GPO isso ocorreu na eleição passada, quando o radialista Alves Correia se aventurou como candidato a prefeito, empolgado com as pesquisas que o apontavam como favorito, mas terminou em último lugar.

“Ele engoliu corda como cacimba e foi derrotado, prejudicando também o projeto de mudança em Arapiraca”, declarou a fonte do GPO.

O grupo de oposição pretende aglomerar o número maior possível de lideranças políticas e eleitores descontentes com a atual administração, evitando a pulverização. “Vamos unir todos que desejam mudar Arapiraca,” enfatizar a fonte do GPO. 

Comentários