Jean Rafael

Médico cirurgião geral com residência médica em cirurgia geral; Professor mestre em ensino na saúde; Pós-graduado em ensino na Saúde pelo Hospital Sírio Libanês; Pós-graduado em Auditoria de Sistemas de Saúde pela Estácio de Sá do RJ; Pós-graduado em Psicoterapia Transpessoal.

gerenciamento do stresse

O stresse tem um lado positivo em sua vida?

POR: Jean Rafael

      Hans Selye em 1936 publicou seu primeiro trabalho sobre o stress destacando uma reação extremamente organizada pelo sistema neuroendócrino a fatores estimuladores dessa resposta. É um fenômeno psicossocial com repercussão no campo biológico, ou seja, no corpo físico e isso ocorre mediante a ameaça real ou imaginária que o individuo interpreta como sendo capaz de provocar danos a sua integridade física ou psicológica. Frente a esses estímulos, recursos internos que compõem a homeostase do individuo são recrutados a fim de fazerem frente a essa cascata danosa a saúde do indivíduo, “quando persistente”.


     Porque quando persistente? Porque essa resposta tem um caráter positivo principalmente diante de uma ameaça real ao ser humano. Se defender é o que chamamos de reação de “fuga – luta. Imagine você passando e encontrando uma cobra venenosa como uma cobra coral e se tiver algum conhecimento saberá que ela atinge o sistema nervoso e tem um alto grau de nocividade a integridade física. Quais seriam suas reações? Para muitos o coração sairia pela boca como uma resposta a taquicardia , alguns também ficariam frios e tremendo sem controlar as pernas, já outros poderiam até desmaiar. O que queremos com isso é mostrar que frente a um estímulo cada indivíduo terá uma adaptação peculiar e responderá de forma diferente dos outros.


     Diante dessa perspectiva compreendemos que essa forma de vivenciar o stress lhe permite a garantia da sobrevivência, uma vez que, se você não tivesse essa resposta iria correr graves riscos, e em outros casos ficaria imobilizado diante dos problemas. Entretanto o que vem sendo considerado, “o mal do século”, é essa resposta persistente muito comum no mundo contemporâneo, às pessoas vivem diuturnamente em contato com fatores estressores e vão respondendo de forma exacerbada aos mesmos. A grande maioria não sabe lidar com as dificuldades diárias e vão agravando sua situação diante de crenças limitantes e comportamentos escapistas o que vai gerando uma resposta cumulativa e danosa a saúde integral do ser.


      Possamos reconhecer que a avaliação e ajuda de profissionais especializados é muito importante e eficaz no auxílio ao controle e gerenciamento do stress.
 

blog Jean Rafael qualidade de vida stresse

Comentários