Blog do Tinho

Wellington Silva - Tinho. Professor, Jornalista MTB 1874,   Assessor de Imprensa.

Prefeito e Secretária de Saúde de Teotônio Vilela querem apuração rigorosa sobre hospitais

POR: Blog do Tinho
Izabelle Pereira
Assessoria

Indignados, tanto o Prefeito do município de Teotônio Vilela, Joãozinho Pereira, quanto a Secretária de Saúde do Município, Izabelle Alcântara, querem uma apuração rigorosa dos órgãos competentes quanto à atuação dos hospitais de Alagoas, no caso da gestante que perdeu o bebê.

A revolta dos gestores se dá devido ao fato de uma gestante, após ter recebido todos os acompanhamentos e cuidados de pré-natal e parto nas unidades de Saúde do Município e também de ter realizado o acompanhamento inicial na Unidade de Saúde Municipal, considerado uma gestação tranquila, foi encaminhada para o Hospital de referência que é São Miguel dos Campos, que não realizou o parto, de lá a gestante foi para a unidade Nossa Senhora de Fátima em Maceió e daí para a Santa Mônica.

O prefeito determinou internamente uma apuração rigorosa dos fatos, buscando-se explicações, inclusive das unidades de referência, “COMO GESTOR, desde cedo que estamos tomando as medidas necessárias para abertura de inquérito administrativo, para apuração dos detalhes e punir administrativamente os envolvidos, pois nosso município tem 2.500 funcionários públicos, que lutam no dia a dia, para servir da melhor maneira possível toda nossa população, em diversas áreas. É impossível eu estar em todos os setores, fiscalizando 24 horas a todos. Fazer saúde não é fácil, a responsabilidade é muito grande”.

 

Já a Secretária de Saúde, solicitou de forma imediata uma Reunião com a Secretaria de Saúde do Estado, que está ocorrendo nesta manhã (20), para que sejam apuradas as responsabilidades quanto ao obtido do bebê Vilelense.

 

“Sou uma profissional que não encobre o erro, quem trabalha comigo sabe. Apuro cada caso, mas não posso simplesmente culpar, apontar, julgar, sem prévia investigação. Estarei na SESAU, pois um óbito exige uma ampla investigação; cobraremos explicações das condutas realizadas por todos os hospitais; o de Teotônio também”, afirmou Izabelle Pereira.

 

As informações de prontuários repassadas pela Unidade Nossa Senhora das Graças, apontam que o encaminhamento da gestante da Unidade de Teotônio Vilela para São Miguel dos Campos obedeceu aos protocolos de Saúde Mundial, devido ao fato da maternidade local realizar apenas partos de baixo risco.

De acordo com as determinações médica, no caso da gestante, que é acompanhada pelo município, apresentar complicações que necessitam de uma intervenção de alta complexidade, ela é encaminhada para as unidades de referência, que foi o caso da gestante M.Q.O.M, de 42 anos, que apresentou um quadro de mecônio, que seriam fezes no intestino do bebê, e precisou ser transferidas, de modo imediato, para São Miguel dos Campos.

 

“COMO OBSERVADOR DO MUNDO DIGITAL, fico me perguntado, se existisse redes sócias ou grupos de What Zap nos anos de 1998 a 2001 ? Quando nossa cidade tinha o título, de cidade onde mais morria criança no Brasil. Foi até matéria de Fantástico! Imaginem como seriam feitos estes vídeos e fotos naquela época....... Será que estamos preparados a tamanha exposição de nossas vidas em redes sociais ? Acredito e penso que tudo tem limite e existem órgãos competentes, para qualquer cidadão buscar seus direitos. Finalizo agradecendo a Deus, por ter me dado a oportunidade como Prefeito, de salvar muitas crianças, que eram conhecidas como anjinhos, que morriam por pleno descaso do Poder Público daquela época, está culpa eu não carrego!!! Pois a população de nossa cidade sabe muito bem nossa história. Transformamos nossa cidade e reduzimos os altos índices de mortalidade infantil, pois este é o nosso verdadeiro propósito, salvar e cuidar de nossas crianças, pra isso que cheguei em Teotônio Vilela! Obrigado e estarei atento a apuração do ocorrido”, finalizou Joãozinho Pereira.

apuração saúde

Comentários